Dê play no player acima ^ e escute músicas de Pelotas!

1 de mar de 2016

Na fila no início do século XX

Como seria uma sala de espera de atendimento gratuito no início do século XX em Pelotas? Mais precisamente na Faculdade de Odontologia? 
O jornal Opinião pública de 04 de novembro de 1916, nos mostra em uma reportagem sobre a Faculdade de Pharmacia e Odontologia, comentando que a clínica, totalmente gratuíta funcionava das 8h às 11h e das 13h às 17h, assim como o laboratório farmacêutico, ressaltava que a jornada permitia uma longa e perfeita aprendizagem aos seus alunos que eram sempre acompanhados, em revezamento, por seus vários professores. 

Com certeza os atendimentos deviam serem feitos dividindo homens e mulheres, onde nota-se que na foto só aparecem mulheres. Sabe- se que as crianças tinham atendimento separado em uma sala especial. 




Fonte: Jornal Opinião Pública de 04 de novembro de 1916"
Pesquisa:Maria Augusta Martiarena de Oliveira para o trabalho Instituições e práticas escolares como representações de modernidade em Pelotas (1910-1930): Imagens e imprensa em 2012.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá tudo bem? Obrigado por deixar aqui seu comentário. Qualquer problema entre em contato direto com a página através do e-mail preteritaurbe@hotmail.com. Se quiser deixe também sua crítica construtiva. Abraço e viva Satolep!